Se liga! Informativo Onda Jovem

quarta-feira, 6 de julho de 2011

A travessia da Ponte



Historicamente acredito que sempre houve a luta pela travessia eterna da ponte que nos levará ao mundo do ideal, local utópico que nos rege rumo às mudanças e levanta gerações para lutar pelo novo. Essa travessia é o meio fio onde grandes promessas sucumbiram, onde potenciais promessas deram meia-volta, onde muitos por descrédito; medos; dúvidas e outros sentimentos mundanos os levarão a cair no rio que passa sob essa ponte, o rio dos prazeres.

A nossa juventude mais uma vez se depara aos pés do inicio dessa ponte, que sempre se reinicia, ao longo de muitos anos nos modos de auto-regeneração, como movimento pendular, porem sempre ensaiando começar a travessia em luta da nova política. Em 2012 poderá efetivamente iniciar a caminhada, mas muito mais efetivamente se iniciou recentemente em nossa cidade uma pequena e a principio embrionária comunicação de mobilização jovem, com ambições reais e conversas saudáveis.

A ponte da qual poderemos caminhar com nossos ideais é precária, pênsil, onde um passo em falso derrubará mais uma vez os sonhos no rio dos prazeres, rio este que oferece o gozo ilícito direta ou indiretamente dos interesses pessoais. E o grande passo que a nossa juventude poderá dar é a garra de cerrar fileiras nos partidos que hoje se banham nesse rio, saber dos banhos, entristecerem com tais atos, porem nunca esmorecer de estar entre frutos estragados e nunca perecer.

A travessia terá como equilíbrio a certeza de que sabemos da ética em operação interna da real politik, do expediente político, dos questionamentos entre realização e idealização, pois não basta mais a juventude iniciar a travessia da ponte embebecida por maravilhosos ideais e entorpecida pela miopia da inocência, precisaremos iniciar os passos alicerçados na certeza de nossos objetivos, com a visão putrefata do cenário que adentraremos e cientes dos obstáculos, ou seja, atravessaremos como uma velha juventude.

Os obstáculos que já avistamos se prenunciam para este recém e potencial movimento e deve ser por já combatido a fim de evitar o sucumbir eterno da travessia, onde nunca deveremos entender a caminhada pela ótica de que os fins justificam os meios, para tanto, deveremos resistir ao rio, que grita para nós oferecendo eleição garantida, status temporais, nos forçam a nos auto-atacar vestidos com legendas partidárias, ou seja, jamais deveremos entrar na guerra deles, nos atacando pelos desmandos que estes comentem.

Para tanto que esse movimento recebe o nome de Onda Jovem, que por essa ponte que começa a travessia como uma onda sob o rio dos prazeres deverá passar, sendo a água e o óleo durante o seu contato.

AVANTE ONDA JOVEM!!

Pietro Parronchi

2 comentários:

  1. É chegada a hora da juventude se manifestar!
    É neste momento em que as velhas mascaras estão caindo ou soltas em rostos já condenados por crimes, dos quais recursos e mais recursos fazem que nunca sejam punidos, que descobrimos uma nova força política em nosso país. Não uma geração de caras pintadas mas uma geração capaz de analisar e expressar seus pensamentos sem com isso perder a força que a juventude tem naturalmente.
    Com suas limitações que são claras e em geral fruto da imaturidade de seus dias, mas com um amor que é impar em preservar e fortalecer o bom da vida publica, é destes novos “políticos” que surgirão os verdadeiros políticos. Alguns cairão pelo caminho mas a maioria de boa forja permanecerá, e é na mão dos que resistirem a tentação de defender o indefensável e lutarem em suas própria fileiras por melhores ações publicas, fugindo dos velhos escritos, que entregaremos nosso país!
    Neste ponto este espaço põe Limeira a frente de seu tempo! Parabéns ao idealizador desta idéia. E que cada dia mais pessoas participem deste novo momento de nossa juventude.



    Biratartaruga.

    ResponderExcluir
  2. Não adianta apenas participar desta idéia, mas sim seguir em frente com ela e 'lutar'...a sociedade está cansada de idéias, e mais idéias, o que realmente falta é as pessoas (os jovens) levantar da cadeira e agir.
    Espero que com este blog, esses jovens se promovam a tentar fazer um mundo melhor, tentar atravessar essa ponte, que hoje é um grande desafio.

    ResponderExcluir