Se liga! Informativo Onda Jovem

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

2ª Conferência Estadual de Juventude de SP


A Conferência Estadual de Juventude de São Paulo realizada nesse último final de semana (04, 05 e 06 de novembro) no Guarujá, teve como meta central questionar “Políticas Públicas”. Antes da fase estadual, cada delegado passou pelo processo de conferência municipal realizada em suas respectivas cidades, depois regional, estadual, e logo após vem à etapa nacional. Mas, o que são políticas públicas, e para que servem?

São ações desencadeadas pelo Estado, nas escalas federais, estaduais e municipais, que visa proporcionar o bem coletivo. É um espaço de debate, onde podem ser desenvolvidas propostas que busquem maior integração dentro da sociedade, analisando diferentes gestões que identifiquem oportunidades, prioridades, bem social e direitos. Principais questões de interesse ao jovem foram levantadas, discutidas e votadas, organizadas em 21 temas diferentes, entre eles cultura, educação, saúde, participação, etc., subdivididos em grupos de trabalho. No primeiro dia, 04, aconteceram os credenciamentos de delegados e a abertura oficial da Conferência. Já no dia 05, houve mais credenciamentos, e início dos grupos de trabalho. Após o fechamento dos grupos, foram feitas plenárias de eixo, para ampliar a discussão a cerca de tais temas. No mesmo dia, teve atividade cultural com bandas musicais e Rap. Já último dia, 06, ocorreu a plenária final, onde foram aprovadas as emendas e eleição de delegados para a última fase. Limeira conseguiu eleger 6 dos 18 delegados para a Etapa Nacional, são eles: Fernanda Moreira (Juventude PDT), Thiago Alexandre Morais (REJUMA), Bruna Monteiro Araujo Lopes (JPT), Ronyere Odilon (PJ), Allison (Tauba - PSOL) e Kleiton Bezerra da Silva (REJUMA).

A participação dos jovens na política é extremamente importante, fiscalizando e cobrando, pois a juventude precisa também ter uma atenção especial do Estado, e para isso, o jovem deve mostrar sua voz ao reinvidicar direitos. Nessa conferência da fase estadual, houve também desorganizações da COE e do Governo do Estado de São Paulo, em relação à alimentação precária que nos foi fornecida, os alojamentos distantes em lugares de estado lamentável praticamente desumano, e muitos dos horários que extrapolaram o que nos prejudicou nas discussões que poderiam ter sido feitas, pois o evento seria bastante propício para ampliar o debate dos temas, o que não nos foi possível. Agora, nos resta a última etapa, que será feita em dezembro, onde levaremos as propostas mais votadas, para possivelmente serem transformadas em lei nacional. Avante juventude!


Assista ao clipe da conferência no YouTube clicando AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário